Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DESPORTO ALMADA

Informação Desportiva ,Crónicas, Reportagens,Entrevistas, Resultados Envie as noticias do seu clube para o e-mail joaquim.reporter@gmail.com

DESPORTO ALMADA

Informação Desportiva ,Crónicas, Reportagens,Entrevistas, Resultados Envie as noticias do seu clube para o e-mail joaquim.reporter@gmail.com

ANDEBOL -ÉPOCA 2020/2021 - Provas de Apuramento para as Competições Nacionais Fixas Clubes com Direito Desportivo Devem Confirmar Participação na Prova

Avatar do autor Joaquim Candeias, 21.05.20

ÉPOCA 2020/2021 - PROVAS DE APURAMENTO PARA AS COMPETIÇÕES NACIONAIS FIXAS
CLUBES COM DIREITO DESPORTIVO CONFIRMAÇÃO DE PARTICIPAÇÃO NA PROVA

logoFAP2012.jpg

Federação de Andebol de Portugal, no seu comunicado, nº 72- Época 2019/2020, chama a atenção dos clubes, com direito desportivo a participar nas provas indicadas abaixo:

Apuramento ao Campeonato Placard Andebol 1, onde vão participar o Almada Atlético Clube, Póvoa Andebol Clube e ACD Sanjoanense, tem até dia 31 de maio, a data limite para confirmação de participação, na respetiva prova. O mesmo se aplica às outras duas provas:

- PO.02-A – Prova de Apuramento ao Campeonato Nacional Seniores Masculinos 2ª Divisão  

- PO.09-A – Prova de Apuramento ao Campeonato 1ª Divisão Feminina:

Segue-se o comunicado:

Comunicado oficial nº 72 FAP

ÉPOCA 2020/2021 - PROVAS DE APURAMENTO PARA AS COMPETIÇÕES NACIONAIS FIXAS
CLUBES COM DIREITO DESPORTIVO CONFIRMAÇÃO DE PARTICIPAÇÃO NA PROVA

De acordo com a Deliberação tomada pela Direção da Federação de Andebol de Portugal, no
dia 29 de abril de 2020, informam-se os clubes com direito desportivo a participar nas provas
abaixo indicadas, para a época 2020/2021:

PO.01-A – Prova de Apuramento ao Campeonato Placard Andebol 1
Póvoa A. C. A. D. Sanjoanense
Almada A. C.

PO.02-A – Prova de Apuramento ao Campeonato Nacional Seniores Masculinos 2ª Divisão

A. C. Lusitanos A. A. São Mamede
A. D. A. A. São Pedro do Sul A. Académica Coimbra
C. Oriental Lisboa I. F. C. Torrense

 

PO.09-A – Prova de Apuramento ao Campeonato 1ª Divisão Feminina
N. D. Santa Joana A. D. A. A. São Pedro Sul
N. A. A. L. Passos Manuel

NOTAS:
1. 31.05.2020 – Data limite para a confirmação de participação na respetiva prova (envio
e-mail e/ou ofício a confirmar ou não a participação na respetiva prova).

2. Todas as Informações relativas ao processo de inscrição, nas referidas provas, serão
comunicadas após a data acima indicada.

3. Qualquer clube que fique qualificado na prova de apuramento, e desista da
participação na prova para a qual se qualificou, será sancionado de acordo com os
regulamentos em vigor (vide, entre outros, o artº 62º do Regulamento Disciplinar da
FAP e Associações).
Solicitamos às Associações Regionais que informem os seus filiados deste Comunicado.

Lisboa, 12.05.2020
A DIREÇÃO

ALMADA ATLÉTICO CLUBE - Ricardo Pereira Licenciado em Gestão Empresarial, deverá ser o novo homem forte do andebol

Avatar do autor Joaquim Candeias, 21.05.20

99004125_3179941158735537_5686817990197116928_n.jp

Ricardo Pereira, Licenciado em Gestão Empresarial pelo Instituto Superior de Gestão, de 32 anos de idade e que detém o curso,inicial de dirigente desportivo leccionado pela FPF.

 

Com a saída a seu pedido, de Carlos Santana, vice - presidente para as Atividade Desportivas, Culturais e Recreativas, e  responsável pelo andebol do clube, cargo que manteve durante uma década. E na época 2019/2020 em que o andebol sénior do Almada Atlético Clube, foi  o vencedor da Zona Sul do Nacional da 2ª Divisão, e assim ter-se apurado para disputar a fase final, para acesso à 1ª Divisão Nacional. Fase essa que acabou, por não ter  sido concluída, face á pandemia do Covid -19, o que levou a Federação de Andebol de Portugal, a indicar os três clubes primeiros classificados na 1ª Fase da Prova, neste caso o Almada Atlético Clube, Povoa Andebol e AD Sanjoanense, que entre si e a uma volta e em Pavilhão neutro, e a ser disputado no inicio da época 2020/2021, vão lutar pelos dois primeiros lugares que vão dão acesso ao Nacional da 1ª Divisão.

A direcção do Almada Atlético Clube, em comunicado, dá conta que Ricardo Pereira, Licenciado em Gestão Empresarial pelo Instituto Superior de Gestão, de 32 anos de idade e que detém o curso inicial de dirigente desportivo leccionado pela FPF,será o próximo,Vice- Presidente para as actividade Desportivas, culturais e Recreativas do Almada Atlético Clube, cargo que detém a tutela do departamento do andebol do clube. Cumprindo o que é estabelecido nos estatutos do Clube, será formalmente apresentado e proposto em próxima Assembleia Geral , a realizar brevemente.

Desporto Almada,saúda a vinda de Ricardo Pereira e deseja-lhe os maiores sucessos,ao serviço do Almada Atlético Clube.

Deixamos aqui o comunicado da direção do Almada Atlético Clube, presidido por João Vieira.

Comunicado

A Direção do Almada Atlético Clube informa todos os seus associados, adeptos e comunicação social em geral que irá nomear o Sr. Ricardo Pereira para as funções de Vice Presidente para as Actividades Desportivas, Culturais e Recreativas do nosso Clube, cargo que detém a tutela do Departamento de Andebol do Almada Atlético Clube. Cumprindo o que é estabelecido nos estatutos do Clube será formalmente apresentado e proposto em próxima Assembleia Geral, a realizar em breve, assim que as restrições decorrentes do estado de calamidades impostas pelo governo da república forem levantadas. Licenciado em Gestão Empresarial pelo Instituto Superior de Gestão, tem 32 anos de idade e detém o curso inicial de dirigente desportivo leccionado pela FPF.
Desejamos felicidades e os maiores sucessos a Ricardo Pereira neste seu novo cargo.

A Direção do
Almada Atlético Clube

ANDEBOL -ALMADA ATLÉTICO CLUBE NA LUTA DIRETA PARA ASCENDER AO NACIONAL DA 1ª DIVISÃO - FASE FINAL APENAS COM TRÊS CLUBES

Avatar do autor Joaquim Candeias, 01.05.20

Almada Atlético Clube.PNG

A formação do Almada Atlético Clube,aquando o triunfo na Madeira, ante o Maritimo, que garantiu à formação almadense o primeiro lugar, na 1ª fase do nacional da 2ª divisão e o apuramento para a fase final. Agora mais perto de ascender ao nacional da 1ª Divisão, face às alterações da prova por parte da Federação de Andebol de Portugal, com a mesma a ser decidida apenas pelos três clubes primeiros classificados na 1ª Fase da Prova, neste caso o Almada Atlético Clube, Povoa Andebol e AD Sanjoanense, que entre si e a uma volta e em Pavilhão neutro, e a ser disputado no inicio da época 2020/2021, vão lutar pelos dois primeiros lugares que vão dão acesso ao Nacional da 1ª Divisão.

 

A fase final do Campeonato Nacional de Andebol da 2ª Divisão de seniores masculinos e em que participavam os três primeiros classificados da 1ª  Fase: Zona Norte: FC Porto"B", Povoa Andebol Clube"A"/Bodegão  CD Xico Andebol ; Zona Centro: Ad Sanjoanense/Delba, CDS.Bernardo e Estarreja; Zona Sul: Almada Atlético Clube/Externato Gil Eanes,Sporting CP"B" e CCR Alto Moinho e da qual se realizou apenas uma jornada, e, que foi inicialmente suspensa pela Federação de Andebol de Portugal, fase ao confinamento devido ao Covid- 19, e que no comunidado de 29 de abril,dá por terminadas todas as competições nacionais de seniores da época 2019/2020

Na passada quinta feira dia 29, em comunicado conjunto das federações de andebol, basquetebol, patinagem e voleibol e após várias reuniões e análise, decidiram :

1. Quadro competitivo 2019/2020:

Dar por terminadas todas as competições nacionais de seniores da época 2019/2020
nas modalidades de Andebol, Basquetebol, Hóquei em Patins e Voleibol, não
havendo mais qualquer jogo ou competição, até ao final da presente época
desportiva;

Mais adiante no que concerne a subidas de divisão, foi aberta uma janela, para que os jogos de apuramento para as subidas de divisão em todos os níveis competitivos, os mesmos tem lugar no inicio da època 2020/2021.

No caso do andebol a Federação de Andebol de Portugal e em especifico, neste caso a Fase Final da 2ª Divisão de seniores masculinos, na qual está inserido o Almada Atlético Clube, a Federação, alterou a atual fase final,onde apenas se tinha realizado uma jornada, para uma Fase Final, em que participam o primeiro classificado de cada série, neste caso na Série-Norte:o Póvoa Andebol Clube/Bodegão,segundo classificado , visto que o FC Porto, que ficou em primeiro lugar, está impedido de participar , face ao regulamento da prova, visto a  sua equipa principal, estar na 1ª Divisão, segue-se  na Série Centro , a AD Sanjoanense e na Série -Sul, o Almada Atlético Clube/Externarto Gil Eanes.

ALMADA ATLÉTICO CLUBE , PÓVOA ANDEBOL CLUBE E AD SANJOANENSE NA LUTA PELA PROMOÇÃO

Esta  competição vai ter lugar no inicio da Época 2020/2021, só a uma volta e num formato competitivo de todos contra todos em concentração em(Pavilhão neutro),e em moldes de a uma volta, em que os dois primeiros classificados garantirão o direito desportivo de participação no Campeonato Placar Andebo da 1ª Divisão Nacional.

 

4. Subidas de divisão:

Haverá competições de apuramento para as subidas de divisão em todos os níveis
competitivos, exceto nos casos em que as federações já tenham comunicado aatribuição de direitos desportivos.
Tais competições serão realizadas no início da época 2020/2021, em moldes aanunciar por cada uma das Federações;

 

ANDEBOL - MEMÓRIAS -TAÇA "FPA" CONQUISTADA PELO ALMADA ATLÉTICO CLUBE FOI À 25 ANOS

Avatar do autor Joaquim Candeias, 30.04.20

 15 DIAS DEPOIS CONQUISTOU O TITULO NACIONAL DA 2ª DIVISÃO QUE LHE GARANTIU PARTICIPAR NO NACIONAL DA 1ª DIVISÃO, NA ÉPOCA 1995/1996

2020-04-26_152358.jpg Almada Atletico Clube venced

Completa-se  dia 1 de maio de 2020,vinte e cinco anos que o andebol almadense, inscreveu a letras de ouro o seu nome na  Taça "FPA",organizada pela Federação Portuguesa de Andebol, agora denominada Federação de Andebol de Portugal, após triunfo,23-21, na final realizada em Campo Maior, a 1 de maio de 1995 e que opôs o Almada Atlético Clube  ao Passos Manuel.

O Almada AC que naquela época 1994/1995,militava na 2ª Divisão Nacional e que tinha como dupla técnica, dois "monstros" do andebol nacional, Luís Hernâni e Carlos Silva,veio depois a conquistar o titulo nacional da 2ª Divisão e a subir ao nacional da 1ª Divisão.

Na altura em reportagem para o então Jornal de Almada, escrevemos:

" O Almada que esta época vem realizando uma carreira fulgurante no Nacional da 2ªDivisão,liderando o respetivo nacional, foi a Rio Maior vencer o Passos Manuel por, 23-21, na final da Taça Federação Portuguesa de Andebol,um troféu que decerto vem premiar o excelente trabalho que vem sendo desenvolvido no Almada,pela dupla técnica Luís Hernâni e Carlos Silva, com o apoio da secção de andebol,a qual não tem regateado apoio à sua equipa de andebol,com vista a alcançar a tão desejada subida ao nacional da 1ª divisão.

-Esta vitória dos almadense na Taça não foi fácil, já que a turma do Passos Manuel  dificultou ao máximo o triunfo da equipa da nossa cidade,mas soube aceitar com desportivismo a superioridade dos seus adversários. Também,o destaque vai para a jovem e numerosa claque da turma de lisboeta que ao longo do encontro não regateou o apoio à sua equipa, mas na hora da derrota soube reconhecer também o valor do adversário e tributou fortes aplausos aos almadenses,no momento em o capitão do Almada ergueu a taça.

Para essa jovem claque do Liceu Passos Manuel, também vai o nosso aplauso"

2020-04-26_153303.jpg Taça FPA.jpg

Paulo Conceição,guarda redes do Almada Ac, com o troféu conquistado a ser cumprimentado pelo capitão

João Quelma, do Passos Manuel.

Final da Taça "FPA"

Almada AC, 23 - Passos Manuel, 21

Almadenses a jogar assim é legítimo que sonhem com o Titulo de Campeões Nacionais da 2 ª Divisão.

Partida disputada no dia 1 de Maio de 1995,no Pavilhão Municipal de Rio Maior.Ao intervalo 12 - 09.

Sob a dupla de arbitragem de Carlos Malpique(Aveiro)e Dario Ramos(Porto) as equipas alinharam:

Almada Atlético Clube - António Ribeiro e Paulo Conceição; Pedro Pery(2),Miguel Galambas(5),Paulo Moratore(8,dois de livre de sete metros),Miguel Gonçalves(2),Joel Arrais, Carlos Caldeira(1),Nuno Amaral(2),André Silva(2) e João Legatheaux(1).

Técnicos - Luís Hernâni e Carlos Silva

 

Passos Manuel -  João Quelma e Nuno; António Ramos(3),Alberto Francisco(1),Hugo(3),Pedro Rodrigues,Pedro Serra,Manuel Monteiro,António Lorvão(8),Pedro(1),Alberto Paris(5,um de livre de sete metros) e Nuno.

Técnico-Belone Moreira.

2020-04-26_154854.jpg Taça FPA.jpg

 O dirigente da FPA,prof. Rui Coelho,na entrega das medalhas aos jogadores do Almada.

As equipas do Almada e do Passos Manuel proporcionaram ao muito público,na sua maioria jovens,afectos aos lisboetas,uma agradável partida de andebol em que a turma do Almada, contando com o apoio de cerca de duas dezenas de simpatizantes,actualmente a atravessar um excelente período, cedo se superiorizou aos liceais, face a um sistema defensivo 6X0 e partindo muito bem para o ataque explorando as entradas fulgurantes de Paulo Moratore e Galamba e aos cinco minutos de jogo já vencia por, 4-0.

2020-04-26_153840.jpg Taça FPA  Passos Manuel Alb

Ao centro Alberto Paris,aqui a representar o Passos Manuel, depois de alguns anos a envergar as cores do Almada.

A turma do Passos aos poucos começou a rectificar a sua zona defensiva e aos 20 minutos de jogo,o resultado cifrava-se em 7-5.Mas a tarde era de facto pertença da turma almadense e aos 24 minutos de jogo,volta a ter novamente uma vantagem de 4 golos, 10-6,para atingir o final do primeiro tempo com 12- 9.

Na segunda parte o Almada teve o seu melhor período de jogo, com os seus jogadores a embalarem para uma exibição altamente positiva,tirando partido da sua forte meia distância, o que obrigada a turma do Passos a defender mais à frente,deixando espaços livres para os almadenses concretizarem com êxito. Moratore era de facto uma dor de cabeça para o técnico do Passos, que a dado momento do encontro optou por mandar Nuno Marta, fazer marcação ao atleta do Almada, numa tentativa  de travar aquele que por ventura estava a ser o melhor jogador em campo e assim neutralizar uma pedra influente do ataque do Almada,mas tal opção pouca mossa fez, já que os almadenses encontraram sempre soluções para contrariar a táctica dos liceais.

 

A equipa do Liceu Passos Manuel,entrou para os últimos oito minutos com uma desvantagem de cinco golos, 22- 17 e, aproveitando algum abrandamento por parte da turma comandada por Luís Hernâni,conseguiu chegar aos 22-19,mas Carlos Caldeira a minuto e meio do fim,fez os 23-19.e praticamente estava encontrado o vencedor, apesar da turma de Lisboa ter ainda marcado por mais duas vezes, a última das quais no último segundo da partida. Excelente o trabalho da dupla de arbitragem.

 

No final a festa foi dos almadenses,os quais festejaram exuberantemente o feito alcançado,tendo o capitão da equipa Paulo Conceição recebido das mãos de Carlos Frazão, vereador do desporto da Câmara Municipal de Rio Maior,a Taça respeitante ao titulo alcançado,perante a alegria dos poucos almadenses que ali se deslocaram,mas que nunca regatearam o apoio à sua equipa.

 

No final foi feita reportagem com os técnicos

2020-04-26_192326.jpg Almada AC - Campeão Nac.2 D

A equipa do Almada Atlético Clube, que depois da conquista da taça,juntou o titulo nacional da 2ª divisão, ao vencer na derradeira jornada o São Bernardo,em partida realizada no Pavilhão Municipal da Costa de Caparica. Ambas as equipas subiram ao nacional da 1ª Divisão,para a época 1995/1996

"A Conquista da Taça é a recompensa pelo trabalho desenvolvido por este excelente grupo de trabalho".

Disse: o técnico Carlos Silva

No final do encontro o nosso jornal fez reportagem,nos balneários e quis ouvir o técnico Luís Hernâni,mas amavelmente escusou-se a prestar declarações, dizendo-nos que só falaria daqui a quinze dias,aquando do encontro Almada-S.Bernardo,que vai decidir o titulo de Campeão Nacional da 2ª Divisão [ E de facto veio a acontecer que depois de ter ganho a 1ª edição da Taça FPF, o Almada nessa época viria a conquistar o titulo nacional]remetendo-nos para o técnico adjunto, Carlos Silva o qual começou por nos dizer sobre o encontro:

-" Foi uma excelente partida de andebol,o Almada provou uma vez mais o porquê de ser líder do nacional, vencemos uma boa equipa e este triunfo nesta importante prova é o corolário da excelente carreira que estamos a fazer,é uma vitória da humildade, do querer,da abnegação de todo o grupo de trabalho que engloba,jogadores, técnicos,dirigentes e seccionistas".

 

- Sobre o adversário, Carlos Silva disse:-" Os meus parabéns ao Passos Manuel, pela forma como valorizou o nosso triunfo,penso que é uma equipa de futuro,pois tem muita juventude na sua equipa e estou certo que irá dar muitas alegrias aos seus simpatizantes".

Em relação à arbitragem o técnico do Almada,apenas se limitou a dizer: -"Que a mesma esteve  à altura desta final".

Em relação ao campeonato, finalizou dizendo:-" Hoje vencemos a taça e esperamos no sábado dia 14, festejar a subida ao nacional da 1ªDivisão,a acontecer será um marco  importante na vida do clube".

                 &&--&&

2020-04-26_154630.jpg Taça FPA.jpg

O dirigente federativo Rui Coelho e Carlos Frazão, vereador do Desporto da Câmara Municipal de Rio  Maior,na entrega da réplica ao capitão da formação de Passos Manuel, João Quelma

"Os meus parabéns ao Almada que foi de facto melhor equipa"

Disse ao nosso jornal o técnico do Passos Manuel, Belone Moreira

No final do encontro,o técnico do Passos Manuel era um homem conformado, já que o triunfo do Almada não merecia a mínima contestação,dai questionado pela nossa reportagem disse:

-" Foi um excelente jogo de andebol, com duas excelentes equipas a entregarem-se ao jogo em busca do triunfo e em que a turma do Almada, que vem realizando um campeonato muito bom, acabou por vencer com todo o mérito,apesar de num ou noutro lance a minha equipa não ter estado bem".

-«Quero dar os meus parabéns ao Almada,pois tem sido  nosso adversário no nacional da segunda divisão, trata-se de uma equipa bastante experiente e que nos últimos dois anos  tem vindo a desenvolver um excelente trabalho, daí fazer votos para que alcancem os objectivos a que se propuseram, que é o regresso ao nacional da 1ªDivisão ».

 

E assim foi escrita mais uma página brilhante do andebol do Almada Atlético Clube,que volvidos 25 anos,estava a participar na Fase Final do Nacional da 2ª Divisão de acesso à 1ª Divisão Nacional,mas que devido ao Covid -19,as respetivas provas organizadas pela Federação de Andebol de Portugal,depois de ter sido suspensas, foram esta quarta feira, dia 29 de maio,dadas como terminadas.

ÚLTIMA HORA

 

FASE FINAL ALTERADA,APENAS O PRIMEIRO  CLASSIFICADO DE CADA  SERIE VÃO DISCUTIR O ACESSO À PRIMEIRA DIVISÃO. 

 

No entanto a Federação, alterou a fase final, que vai apenas ser disputada pelos vencedores de cada série, neste caso o Almada Atlético Clube,[série sul], o Povoa Andebol Clube, [série centro]  e  AD Sanjoanense,[série norte].

Fase final essa a realizar no inicio da época 2020/2021 , apenas a uma volta e em campo neutro, com os dois primeiros classificados a ascenderam à 1ª Divisão  Nacional ,ou seja ao Campeonato Placard Andebol da 1 Divisão.

 

Bora Almada.

Almada Atlético Clube - Pavilhão "Adelino Moura" completou no dia 1 de abril vinte anos

Avatar do autor Joaquim Candeias, 03.04.20

2020-04-03_000345.jpg Fase cobertura Pavilhão do

Dia 1 de Abril,assinalou a data da inauguração( 1 de Abril de 2000) do Pavilhão do Almada Atlético Clube, a que  foi dado o nome de Adelino Moura,uma personalidade que se confunde com a história do andebol nacional  e do Almada Atlético Clube, já que  foi jogador,treinador e seleccionador  nacional e presidente do clube.

2020-04-02_234258.jpgFase dos trabalhos - Pavilhã

         Jovens atletas do  andebol do Almada, na construção das fundações

A obra custou 130 mil contos (com financiamentos do Instituto Nacional do Desporto, Câmara Municipal de Almada e trabalho voluntário de amigos e atletas do clube (em especial os atletas da equipa de juvenis de andebol e seu treinador José Peres,ele que teve um papel preponderante e que até hoje não recebeu o devido reconhecimento publico por parte do clube),e ainda com um donativo de 3.000 mil contos do Governo Civil de Setúbal. A sua capacidade é de 850 lugares.

2020-04-02_235310.jpg Fase construção Pavilhão

José Peres, á direita na foto, antigo jogador de andebol e treinador da equipa feminina que ficou apurada para as Taças Europeias e que na época da construção do Pavilhão treinava a equipa de juvenis que foi campeã nacional. E aquém o clube tarda em reconhecer a importância que teve, para que, hoje o Almada ,tenha o seu Pavilhão.

Na sua inauguração esteve  Maria Emilia de Sousa,presidente da Câmara Municipalde Almada e o secretário de Estado do Desporto, Vasco Lynce, para além de autarcas e dirigentes do movimento associativo,e atletas e associados do clube.

Com a inauguração do Pavilhão "Adelino Moura",o Almada Alético Clube  deu  importante passo, pois as várias equipas  do clube que treinavam em pavilhões alugados,ou seja sempre com a "casa às costas",agora já nada disso acontece,pois o Pavilhão  acolhe todas as equipas do clube e tem sido fundamental para o sucesso do andebol no Almada Atlético Clube.

2020-04-02_235601.jpg José  Peres.jpg

José Peres à direita,um dos grandes impulsionadores da construção do Pavilhão do Almada,aqui na troca de opiniões com o secçionista José Luís,tendo por fundo o emblema do clube e o painel de azulejos, com vários nomes de atletas, dirigentes, sócios e amigos do andebol. De referir que ainda está a tempo de dar o seu contributo e colocar o seu nome nesse painel de azulejos, para isso diriga-se ao pavilhão e contacte a secção de andebol e saiba as condições.

PAVILHÃO - UMA HISTÓRIA ANTIGA

O sonho dos almadenses por um pavilhão,já vem de longe e podia ter avançado na década de 70,quando a Câmara Municipal de Almada cedeu um terreno,tendo na altura a Direcção - Geral dos Desportos, atribuído um subsídio de 1.500 contos, a situação arrastou-se no tempo e o Almada acabou por perder os direitos sobre o terreno, que fica localizado perto do Pombal,na Cova da Piedade.