Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


A BOLA DE OURO CONTINUA A SER UM FOLHETIM DO SENHOR JOSEPH BLATTER

Quarta-feira, 20.11.13

FIFA adia Bola de Ouro por falta de votantes

  Aqui fica a imagem de Ronaldo, apostada sobre a bandeira Nacional que esteve colocado no Almada Fórum, aquando do Europeu de 2012.

 

"Decisão da FIFA de  permitir mexidas nos votos anteriores à Bola de Ouro está a causar polémica.  Federação de Blatter diz ao Expresso porque o fez.

A decisão da FIFA de reabrir o processo de votação para a Bola  de Ouro, que já estava fechado, e alargar o prazo-limite de devolução de  respostas até 29 de novembro, está a gerar polémica.

Decidida ontem ao fim do dia, a deliberação da FIFA está a ser  vista generalizadamente como uma tentativa clara de forçar a atribuição do  troféu a Cristiano Ronaldo, quando o mesmo parecia destinado ao francês  Ribéry.

Questionada hoje pelo Expresso, a FIFA refere que o alargamento  do prazo foi  decidido em função do "diminuto número de respostas enviadas por   treinadores, capitães e jornalistas" e pela necessidade de "garantir um  número  representativo de votos", não só à Bola de Ouro mas também aos  restantes  prémios anuais: Jogadora do Ano, Treinador e Treinadora do  Ano. E adianta  tratar-se de uma decisão tomada em conjunto com a "France  Football".

O alargamento do prazo em mais quinze dias (a votação fechou na  passada sexta-feira) foi comunicado ontem, através de um email confidencial enviado a todos os eleitores do prémio que distingue o melhor  futebolista do ano.

Apesar do pedido de segredo, o diário catalão "Mundo Deportivo"  tornou público o despacho de Joseph Blatter, presidente da FIFA, que no email enviado aos decisores (todos os selecionadores e capitães das  seleções nacionais, além dos correspondentes da revista francesa "France  Football", também promotora do troféu) esclarece que quem assim o desejar poderá  alterar as nomeações anteriormente enviadas.

O "Mundo Deportivo" revela, sem citar qualquer fonte, que o  troféu deste ano estaria destinado ao avançado francês do Bayern Munique,  surgindo depois Cristiano Ronaldo e em 3.º lugar o vencedor das quatro últimas  edições, Lionel Messi.

O diário desportivo catalão sugere que esta alteração das  regras é uma clara tentativa de inverter os votos recebidos até ao passado dia  15, sobretudo depois da exibição 'do outro mundo' e os três golos de Cristiano  Ronaldo em Solna, que afastaram a Suécia do Mundial-2014 e hoje são destacados  na generalidade dos media internacionais.

 

Fonte: Jornal Expresso

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por DesportoAlmada/Joaquimfcandeias às 17:23





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Julho 2019

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031


Contador